sábado, 4 de janeiro de 2014

Tendências do ano de 2014 com base nos algarismos e arcanos maiores do Tarô

Tiragem feita por mim e publicada no clube do Tarô. No site há previsões para o ano de 2014 realizada por vários tarólogos - Previsões e prognósticos coletivos: http://www.clubedotaro.com.br/site/p55_6_prev.asp


Em 2014 a energia forte, agressiva e vitoriosa do Carro, arcano 7, vai estar em evidência, sendo o objetivo central desse ano luta - agressiva, se necessário – rumo à vitória, sem fuga de confrontos e conflitos.

A energia desse arcano – O Carro – anuncia um ano com movimentos rápidos, luta, vigor, mas também alerta para tendência a agressividade, conflitos e acidentes, pois essa energia é muito firme em busca de seus objetivos e pouco flexível, podendo atropelar o que estiver na sua frente.
Ao redor da energia central indicada acima pairam as seguintes tendências de acordo com a composição numérica do ano:
2 – Traz muito ativa as características d'A Sacerdotisa, mostrando tendência à introspecção, busca da individualidade de cada ser, com um propósito nobre, de busca da verdade pessoal em prol da sua real função nessa vida. Mas essa busca de individualização com a forte energia do Carro no centro não se dará sem dúvidas, conflitos e um mergulho na sombra de quem estiver disposto a esse desafio.
0 – O Segundo algarismo do ano traz a energia de bloqueio, a energia que falta para o bom andamento dos objetivos gerais do ano, sendo O Louco arcano 0 vemos aqui falta de flexibilidade e confiança, tornando o ano pesado no sentido de trabalhoso sem espaço para muito lazer, brincadeiras e descompromisso que O Louco solicita.
1 – No terceiro algarismo temos o caminho que o ano tende a tomar, como a energia do ano vai se encaminhar para concretizar o objetivo de vitórias que esse ano mostra. Aqui O Mago mostra muito vigor, energia e disposição para assumir caminhos novos. Com a energia do próximo algarismo – 4 O Imperador -  esse vigor do Mago vai render bons frutos, apontando caminhos de realizações promissoras.
4 – O Destino desse ano deve ficar marcado como o ano da estabilidade financeira, das conquistas práticas e materiais. As metas materiais traçadas para esse ano tendem a serem realizadas com êxito. A autonomia individual estará favorecida. Aqui o que fica a desejar são as relações afetivas, enquanto as emoções tendem a ficar em segundo plano ao longo do ano.

Tendências mês a mês
Tiragem em forma de mandala 12 meses, concentrando a tiragem na energia das quatro cartas indicadas pelos algarimos do ano, indicadas acima.


Janeiro: Será um mês marcado pela clareza mental e tomada de consciência, o Ás de Espadas mostra mente afiada a altamente sagaz, com a lógica apurada, ótimo para traçar metas e estratégias para o longo do ano. O bloqueio virá da falta de recursos, será um mês difícil para as finanças, conforme mostra o 5 de Ouros. É importante usar a mente clara do Ás de Espadas para não se envolver em perdas financeiras ou gastos maiores que o possível.

Fevereiro: Nesse mês a mente continuará clara e cada vez mais consciente das limitações e possibilidades. O 6 de Espadas traz confiança e serenidade para encarar os desafios de frente. O 10 de Copas mostra que os sentimentos podem atrapalhar a serenidade e frieza ao favorecer as relações a dois regadas a muito amor. Sabendo dosar essas duas energias elas podem trazer um mês harmonioso e equilibrado, com tendências a formação de casais estáveis e felizes.
Março: Contrariando a tendência geral do ano, esse será um mês dos assuntos do coração, encontros e desencontros amorosos. O 3 de Copas mostra paixões se concretizando, casais se formando, e o 6 de Copas no bloqueio mostra sentimento de nostalgia e melancolia, com idealização do passado por aqueles que não se sentirem nutridos em uma relação a dois.
Abril: Aqui o potencial de realização financeira do ano começa a aparecer com toda a força, através do 9 de Ouros, indicando negócios bem sucedidos e recursos financeiros abundantes. Esse fluxo ainda fica um pouco interrompido por uma cautela, um temor que pode impedir maiores ousadias estagnando o fluxo dos negócios, como mostra O Enforcado. Em alguns casos alguma limitação física ou de saúde pode adiar para outros meses os projetos.
Maio: Esse mês será delicado para a vida afetiva, como mostra o 5 de Copas, trazendo tendências a desilusões. Em alguns casos a insatisfação na vida afetiva pode ser negada ou mascarada, como indica o 7 de Espadas. Esse 7 de Espadas inspira maior cautela nas relações em geral, incluindo relações profissionais ou de negócios.
Junho: O 10 de Ouros traz ainda mais forte a energia positiva para as finanças, além de estabilidade e aumento de patrimônio. A Rainha de Espadas mostra ainda uma cautela vinda das preocupações do mês anterior, mas essa cautela se bem usada pode se tornar estratégia para reforçar e energia positiva para os negócios.
Julho: Mês de grande impulso para projetos ousados, pois o Cavaleiro de Espadas traz a energia do guerreiro racional e desbravador, trazendo agilidade e movimento a esse mês. Esse Cavaleiro é um tanto agressivo, mas a carta de corte, mostra vitória, pois o 3 de Paus indica mês promissor para reconhecimento público, projetos em evidência.
Agosto: O Mundo mostra um mês de muitos fechamentos satisfatórios, final de ciclo bem sucedido. O 8 de Paus mostra que esse fechamento positivo abrirá energia para imediata retomada de projetos com ainda mais energia e confiança, além de tranquilidade.
Setembro: Após a euforia dos meses anteriores e do fechamento positivo de agosto, virá momento de pausa para novamente serenar a mente e não se deixar levar pelo entusiasmo exagerado. A energia material volta a ceder lugar para as emoções, trazendo tendência de encontros e paixões, como mostrado no 2 de Copas.
Outubro: Esse será um mês que irá inspirar cuidado e cautela. A tendência aqui é de exposição e ousadia, mostrado pelo 2 de Paus, mas o risco de resultados inesperados, cortes, rupturas e consequências desagradáveis será grande como alerta o 10 de Espadas.
Novembro: Retomada da energia favorável, como mostra o 9 de Paus, indicando vitórias, êxitos e reconhecimento. Ainda sob o temor do mês anterior as mentes estarão cautelosas e estrategistas, avaliando terreno para novos desafios mais certeiros, como mostra o Rei de Espadas
Dezembro: A Estrela trará leveza e esperança para o último mês de 2014. Após as intensas experiências do ano a energia estará se renovando plena de fé no futuro. Mas será um mês de emendar projetos, buscando novas formas de renda, trazendo mais oportunidades de trabalho duro, mas recompensador, como mostra o 8 de Ouros.





Nenhum comentário:

Postar um comentário